21 novembro 2010

O Cante Alentejano que veio de Redondo

O "cante", faz parte do património vivo do Alentejo. É uma expressão genuína da tradição vocal profundamente enraizada na alma do povo alentejano constituindo-se como uma referência da cidade de Redondo.
E nesta recepção ao Redondense Futebol Clube tivemos a ocasião de ver e de sentir este modo de cantar e o amor ao "cante". E enquanto pensávamos que íamos jogar com uma equipa de futebol de Redondo soubemos, devagarinho, que estávamos diante de um Grupo de Cantadores de Redondo.
E estes cantadores estão profundamente ligados à memória do tempo, ao trabalho e ao mundo rural. E pelo que vimos e ouvimos o "cante" mantém intactas as características da sua expressão vocal, a solenidade e a paixão na sua interpretação. Haja pão e vinho que o "cante" desabrocha...
Neste Alentejo nem tudo é planície. Temos uns picos suaves de belo "cante". E vimos que as esperanças deste Alentejo não estão esgotadas. Esta é uma terra singular e arrebatadora, que ainda tem muitas memórias, que ainda tem muita vida. E os Homens de Redondo mostraram que estão preparados para serem as suas personagens principais.
Já agora, o vosso Anastásio é da família do célebre Poeta popular Anastásio Pires?
Quando ao jogo aconteceu uma vitória suada do Alcácer do Sal Futebol Clube por 3-2.
Obrigado por tudo Homens do Redondo! Voltem Sempre!

Sem comentários: