03 abril 2011

Alcácer do Sal F.C. destroçou U.S.C. Santiago do Cacém (4-0)

O Alcácer do Sal Futebol Clube - Veteranos, com um sorriso aberto (como se pode comprovar na foto de conjunto tirada no início do jogo), estando a fazer uma das melhores séries de vitórias, alcançou mais uma goleada depois de ter atropelado o U.S.C. Santiago do Cacém com quatro golos sem resposta. Um jogo fácil para a equipa de Alcácer do Sal que, além de ter marcado cedo, praticou um excelente futebol. Mas vamos ao jogo!

O Alcácer do Sal entrou com o melhor onze em campo, e entrou no jogo a todo o gás, e depois de alguns remates nos primeiros minutos e golo aos seis, na sequência de uma grande penalidade, com João Campos, conferiu, já naquela altura, a justiça do nosso melhor futebol.

E assim, nesta tarde quentinha de Abril, o Alcácer do Sal F.C.l, a vencer desde o início do jogo, tomou definitivamente conta da partida, apertando o cerco à baliza dos jogadores de Santiago do Cacém.

E sempre que os praticantes de Alcácer do Sal aumentavam a pressão, iam acontecendo os golos. Aos 30 minutos, na sequência de uma jogada rápida com cruzamento bem medido Jorge Rocha faz o segundo... e na sequência de um canto, aos 35 minutos, António «Costa» faz o terceiro.

Só dava Alcácer do Sal e os jogadores que vieram de Santiago do Cacém não conseguiam libertar-se do colete de forças, insistindo nos pontapés longos para os avançados que acabaram o jogo estafados de tanta correria.

Depois do intervalo as equipas começaram a gerir o jogo. Ataque continuado dos jogadores de Santiago do Cacém e contra ataque dos praticantes de Alcácer do Sal.

O «Dono da fábrica do futebol», Mister José Lima, começou a operar as substituições e o jogo começava a acabar aqui.... Mas faltava ainda o golo de estreia de Ozani...

Depois de tantas jogadas rápidas e de tantas oportunidades Ozani Silva fez o quarto, aos 80 minutos, depois de uma jogada rápida do Pedro Bernardo. Servido de bandeja, com um cruzamento com peso e medida, o nosso internacional Brasileiro facturou e abriu as portas de mais uma goleada.


Quanto ao convívio que decorreu no «Néne» todos estiveram de acordo. Houve um empate técnico, já que os jogadores das duas equipas já se conhecem há tanto tempo que nem têm tempo para grandes apetites gastronómicos. O serviço foi bom, a comida estava óptima, mas o mais importante foi conversar e mostrar que o fututo sds equipas é bom.

Por isso: um bom jogo e um excelente convívio.


FICHA DO JOGO - Estádio Municipal de Alcácer do Sal


Árbitro: António Caldeira Silvério


Alcácer do Sal F.C.: Joaquim Quintas; José Leitão, António Costa, José Guerreiro; José Marques; Jorge Rocha; Helder Miguel; Manuel Madeira; Aníbal da Conceição; João Campos e Pedro Bernardo.


Resultado ao Intervalo: 3-0.

Resultado Final: 4-0.


Marcadores: João Campos (6 m), Jorge Rocha (30m), António «Costa» (35) e Ozani Silva (80m).

Sem comentários: