23 novembro 2015

Por vezes temos de correr atrás da sorte

No último sábado, dia 21 de Novembro de 2015, no Alfeite, os jogadores do Alcácer do Sal F. C. não tiveram apenas de correr atrás da bola. Também tiveram de correr atrás do prejuízo e da sorte.
Para trazerem a vitória para Alcácer do Sal tiveram de suar mais do que parecia previsível e, só no final do jogo, atingiram o objetivo com a ajuda de um autogolo dos Sargentos da Armada.

Minuto 6: o Alcácer do Sal F. C. fazia o 0-1 no Alfeite, para contentamento de toda a equipa. Um golo do Miguel Carolino, que em fintas sucessivas entra na área e faz o golo.
Minuto 18: o Alcácer do Sal F. C. fazia o 0-2. Um segundo golo do Miguel Carolino, que queria continuar a afirmar-se como um exímio marcador de golos.
Foi uma entrada de rompante que surpreendeu o Clube do Sargento da Armada. Sim, é verdade, o Clube do Sargento da Armada não estava à espera deste atrevimento. Moral da história: o Clube do Sargento da Armada iria passar os seguintes 50 minutos em busca de um melhor resultado. 
E a verdade é que depois de um erro individual (uma grande penalidade) e de um golaço (indefensável remate de fora da área) o Clube do Sargento da Armada chegou ao empate.
E não fosse um autogolo, com a mão, no final do jogo o Alcácer do Sal F. C. estaria metido num belo sarilho. Claro que tivemos de correr mais. Claro que tivemos de ser melhores. Mas a sorte protegeu-nos!
É óbvio que o Alcácer do Sal F. C. mereceu o resultado, pela primeira parte que fez, mas pela sua atitude o Clube do Sargento da Armada merecia muito mais.
Agora quero deixar um conselho a toda a equipa do Alcácer do Sal F. C.: convirá não repetir o erro muitas vezes, porque nas mais diversas ocasiões a derrota é sempre certa. Convém nunca mais repetir os mesmos erros. Ou seja: convém perceber que este jogo correu bem, mas podia perfeitamente ter corrido mal; convém perceber que o Clube do Sargento da Armada foi apanhado de surpresa mas os outros já não o vão ser.
Pois é. E o futebol acabou. Depois veio a confraternização. A vitória no jogo foi para a nossa equipa, mas no convívio entre os jogadores, sem distinção entre vencedores e vencidos, o ambiente foi de grande alegria e união entre todos. 

Por fim queremos agradecer, de forma encarecida, aos Diretores do Clube do Sargento da Armada, que de forma excelente nos receberam, mais uma vez, em sua casa, e ao Presidente da União das Freguesias de Alcácer do Sal (Santa Maria do Castelo e Santiago) e Santa Susana, Arlindo Passos, que através da sua presença demonstrou que está sempre ao lado das associações desportivas do concelho.

Viva o Clube do Sargento da Armada!
Viva o Alcácer do Sal Futebol Clube!

Sem comentários: